VILA ÉLIDA CAMPEÃO

Foto por: Jornalismo Playball 2019 segunda-feira, 23 de dezembro de 2019

No dia 7 de dezembro tivemos a decisão do título da V Copa Playball Unidade Anhaia Mello.

O jogo final reuniu os bons times do Spartak e Vila Élida. Com boa atuação de ambas as equipes, a peleja acabou empatada por 3 a 3, o que levou a decisão da taça para os pênaltis. Dessa maneira o Vila Élida acabou levando a melhor e venceu as penalidades por 5 a 4 e foi o campeão da V Copa Playball Anhaia Mello.

 A partida começou com o Spartak já abrindo o placar logo no primeiro minuto.

Após uma boa triangulação ofensiva, Hyargo, camisa 25, tocou para Raphael, camisa 9 livre na esquerda. Ele dominou na lateral da risca da área e cruzou para o meio. A defesa do Vila Élida dormiu no ponto e deixou Hyargo sozinho. Ele fez que pularia de peixinho, mas acabou tocando com os pés e mandou a bola para o fundo das redes do Weslley.

A tentativa de resposta do Vila Élida veio com o camisa 7 Jhony.  Ele recebeu na direita e avançou até o bico da área do Spartak para chutar forte, mas o goleiro Gordão estava esperto no lance e espalmou a bola pela linha de fundo.

Na sequência o camisa 3 do Spartak, Breno, cobrou uma falta quase na intermediária e mandou uma bomba. A bola saiu raspando o travessão do Vila Élida.

O empate do Vila Élida veio aos 15”. O camisa 3 Anderson escapou pela esquerda e invadiu a área do Spartak. O goleiro Gordão saiu ao seus pés, Anderson chutou e a bola bateu no goleiro para, no rebote, o camisa 11 Alessandro empurrar para o fundo das redes.

Em novo bom ataque do Vila Élida, Alessandro dominou na lateral esquerda e tentou o passe em profundidade para Breno. O goleiro Gordão saiu rápido da meta e com um chutão salvou sua equipe.

Aos 22” o Spartak chegou ao segundo gol.

Em um lance de cobrança de lateral pela direita, a bola foi lançada na área do Vila Élida. O camisa 3 Breno dominou e tentou sair jogando, mas acabou desarmado na entrada da área pelo camisa 11 do Spartak, Bruno Batista. A bola sobrou para o camisa 9 Raphael que bateu na saída de Weslley e balançou as redes novamente.

Aos 24” o Vila Élida empatou.

Danilo Lima, camisa 20, dominou no meio e tocou para Anderson, camisa 3, recebeu o passe e chutou de perna esquerda para vencer o goleiro Gordão e deixar tudo igual no marcador.

Na segunda etapa o primeiro bom ataque foi do Vila Élida.

Alessandro dominou pela direita e desceu em velocidade. Do bico da área ele tentou o chute, mas o goleiro Brunca, que havia entrado no lugar de Gordão, saiu rápido em seus pés e travou a finalização.

Aos 8”, o Spartak conseguiu um arremesso lateral pela intermediária esquerda. Duze, camisa 8, lançou a bola na área. A pelota viajou alta, o goleiro Weslley saiu errado no lance e Gilmito, camisa 6, cabeceou para o fundo das redes e fez o terceiro gol do Spartak.

A partir de então, o Spartak recuou a marcação e tentou segurar o placar. O time até que marcava bem o Vila Élida, principalmente a marcação em cima de Alessandro, camisa 11, e não deixava o adversário criar nada.

Porém, para o Spartak acabou exagerando nas faltas e, aos 18”, acabou cedendo o “shoot-out” para o Vila Élida.

Alessandro cobrou com categoria ao dar um toque na bola, avançar, driblar o goleiro Brunca e empatar o jogo em 3 a 3.

Com isso, os últimos minutos da partida nós tivemos os dois times muito mais preocupados em marcar bem o adversário e evitar um gol no final, com a consequente derrota, do que buscando o ataque.

Dessa maneira o jogo terminou 3 a 3 e a decisão da taça foi para os pênaltis.

Nas cobranças a vitória ficou com o Vila Élida por 5 a 4.

Pelo Spartak bateram e marcaram

Bruno Scura (3); Raphael (9); Vini (10); e Rafa (15)

O camisa 8 Duze chutou para fora

Pelo Vila Élida todos marcaram

Alessandro (11);  Paulo (10); Jhony (7); Erick (17) e Vítor Oliveira (13)