Bicampeão

Foto por: Jornalismo Playball Eventos - empresas terça-feira, 24 de dezembro de 2019

História se repete, Porto vence Bayern e ergue "Champions Leogue" outra vez


Por Mateus Lemos

 

O Porto - 1028 seguiu em modo "Super Saiyajin", inclusive nos cabelos de alguns jogadores, após a vitória épica sobre o Borussia e venceu o Bayern Munchen - 1007 por 4 a 1 na finalíssima da Copa Leo. Leco distribuiu assistências para Keke, o filho de Deus e Lucas, e Keke, após passe abençoado dos céus, marcaram os tentos do time da João Dias. De uma final parelha em boa parte do confronto, porém que pesou demais ter a vantagem no placar. O Bayern foi valente, vendeu caro a derrota e chegou a sonhar no 3 a 1 marcado pelo maior serial killer de São José. Mas em um anexo na Bíblia escrito por Mateus chamado "Copa Leo 2019", Jesus disse: "o Porto será campeão ou eu não me chamo Santos". Estava escrito nas palavras sagradas. Azar do Bayern.

 

É dia de festa da firma. Integrantes de vários times participantes da Copa Leo compareceram à celebração (ao churrasco na verdade). Desde Adriano do Tottenham, que não sabe responder até hoje where is Johnny Man? Até Thiago Jemerson do Ajax, passando pela turma do Manchester United e do Real Madrid.

 

Keke descoloriu o cabelo e Jesus descoloriu os pelos da barba para demonstrar o que é tendência no Reino dos Céus. Lucas trouxe a filhota para dar uma força e Otávio finalmente estava de volta. O time passa maus bocados para chegar na final e na hora do filé o defensor resolve jogar.

 

Houve uma invasão generalizada de São José à Playball Pompéia. Incontáveis ônibus trazendo a população da cidade gritando a plenos pulmões "o Bayern chegou". Chicó veio de cavanhaque, talvez uma estratégia para assustar os adversários. Até Seu Dodô, dono "oficial" do Bayern, mas que manda menos que Thiagol, estava presente.

 

Os alemães jogavam completos e contavam com quatro reservas. Isso mesmo quatro, e não três, que foram o máximo durante o torneio. O quarto elemento era o X, quer dizer, César. Os portugueses tinham três bancários no apito inicial, porem Dudu entrou na cancha aos 12. 

 

Com direito a hino e cerimonial de Copa do Mundo, a Playball Pompéia abrigava a melhor final do dia no planeta Terra, e até quem torce para o Liverpool concordou. No primeiro minuto Thiagol do Bayern ajeitou no ataque pela direita e Matheus Laranjinha finalizou forte para bela defesa do goleiro Bebê.

 

Aos 2 Keke do Porto na intermediária arrematou e o goleiro Ceará fez linda defesa no canto. No minuto seguinte Leco serviu Jesus que na entrada da área que fuzilou e anotou um golaço. "Em final a misericórdia não existe". Glória a vós Senhor.

 

Matheus Laranjinha protegeu bola no ataque, tocou mais atrás para Thiagol, que disparou de longe e Bebê defendeu no cantinho aos 6. O jogo era disputado e enérgico. Thiagol saindo mais da área e sofrendo forte marcação do Capitão Rick. Lecão não tinha espaço e era bem vigiado por Jefferson e Diego.

 

Aos 13 Darlan Acerola arriscou do meio de quadra pela direita e o Bebê, mesmo de fralda, voou para defender. Leco recebeu de Jesus na entrada da área, cortou em drible para a direita e finalizou cruzado na trave aos 15.

 

Com Otávio na zaga não tem brincadeira, estava cortando mais que bóia fria em época de fatura. E aos 20 o próprio retomou bola no ataque e tocou para Jesus, que finalizou no Mercado Car, mas ele usou seus poderes divinos e fez a bola desviar em Jefferson, ela foi mansamente na trave e Ceará afastou o perigo com um carrinho.

 

Antes do fim Lecão na meia cancha serviu para Keke em velocidade na ponta direita e disse "faz e me ajuda a ser Bola de Ouro". O Dennis Rodman (astro do basquete nos anos 90) português fuzilou e anotou o segundo gol português. Os bávaros finalizaram mais que o time do vinho, porém no único índice que de fato vale para definir a partida, o Bayern perdia por 2 a 0.

 

A reunião do intervalo foi carregada de incentivos do lado cinza da quadra, no entanto nem deu tempo de se alegrarem. Aos 2 Jesus na lateral direita tocou para Dennis Rodman no meio que chutou firme e foi feliz novamente. Cadê a Kekeia para ver o papai brilhar nessas horas? 3 a 0. Mal o jogo voltou e o Bayern teve a situação piorada.

 

Daniel Lins, que entrou no lugar do filho de Deus, serviu Leco na área, que tirou de Ceará e quase ampliou aos 7. Porém no lance seguinte Thiagol sofreu ippon de Lucas na área e o pênalti foi marcado. O serial killer cobrou, a bola bateu no travessão e ultrapassou a linha totalmente segundo o juiz, mas não para Bebê, que precisou ser contido por Rick, o legítimo porteiro do Enem. 3 a 1 no placar e injeção de ânimo nos alemães.

 

Aos 15 Diego na meia direita arrematou rasteiro e Bebê foi buscar no cantinho. Aos 20 Lecão recebeu lançamento da defesa no ataque completamente livre, ele esperou Keke chegar e o serviu, mas o cabelo amarelo chutou na trave. Por isso que ele não venceu o prêmio de melhor jogador do torneio. Na resposta ataque rápido dos bávaros acionando Thiagol na área, porém quando ele se preparava para matar, Bebê o bloqueou corajosamente.

 

Lecão, o garçom da tarde, serviu Lucas na entrada da área que pegou firme na pelota e ampliou a vantagem alviazul para 4 a 1 aos 24. A taça do vinho português era campeã e Jesus dançava com a torcida antes de a partida terminar. Dia ruim para Chicó, que além de ver seu Flamengo perder a final do Mundial para o Liverpool, também foi vice-campeão na Copa Leo.

 

Os minutos finais foram de administrar o resultado e curtir o título. Apito final, 4 a 1 no placar e Porto bicampeão. A torcida do Bayern, que em determinados momentos lembrou os “barra bravas” argentinos com o legítimo "São José te mata", reconheceu o esforço da equipe e os aplaudiram.

 

Ismael do Bayern e o Capitão Rick do Porto falaram com a nossa reportagem após o fim da decisão.



 

– Futebol é detalhe. Foi aquele velho ditado do futebol, "quem não faz, toma". O goleiro deles têm seus méritos, mas a gente finalizou muito mal e atrás a gente deu muito vacilo, muito espaço para quem vinha de trás e deixamos muitas vezes a defesa exposta. A equipe está de parabéns pela campanha, mas mais uma vez não deu. Gosto amargo, porque ofensivamente esse ano a gente tinha um potencial maior do que no ano passado, em que a gente dependia muito do Thiago ali na frente e da defesa. Hoje a gente tinha mais destaques individuais. Mas futebol é isso aí mesmo, quem está melhor no dia, final de um jogo só é assim. Bola para frente e vamos levantar a cabeça para que no ano que vem a gente possa chegar a esse título que bateu na trave duas vezes. (Sobre a invasão de São José) esse ano com a ajuda do gerente da loja, a gente também "isqueirando" para organizar alguma coisa, começamos a chamar o pessoal da loja, amigo de jogador e hoje a nossa torcida está de parabéns, estilo torcida argentina cantando do começo ao fim – exaltou o faz-tudo do Bayern, que teve a presença do filhão acompanhando a entrevista.



 

– Difícil comentar porque foi um ano onde nós viemos com o título, porém muito, mas muito desacreditados. Tivemos alguns jogos que foram muito complicados e a equipe sabe disso. Começamos (a partida) um pouco diferente do nosso habitual, depois conseguimos botar a bola no chão, fizemos os gols, o time foi muito bom e conseguimos marcar direitinho. Eles têm uma boa equipe, um bom pivô, eu graças a Deus (na verdade graças ao seu companheiro de time que por acaso é filho dele) fui abençoado e consegui anular o pivô deles hoje. Quero agradecer a toda organização, o Jeferson, o Doni, é um campeonato que realmente interage as equipes, é um campeonato que faz onde não exista nível hierárquico e isso é muito bom. Aqui é futebol, aqui é paixão, é o que nós gostamos de fazer, nós amamos futebol e estamos dentro de quadra fazendo aquilo que amamos – declarou o Capitão Rick, molhado pelos companheiros durante a entrevista, e que ainda ressaltou que iria beber muito na festa em sua residência (da qual este escriba foi convidado, mas infelizmente teve que declinar o convite) após o pagode da Leo, e completou que só o Porto é bicampeão, para a alegria de uns e tristeza de Kazim.

 

Na premiação do campeonato Bebê levantou a mamadeira, quer dizer, o troféu que vale muito, pelo menos "etilicamente", uma garrafa de Jack Daniels. e de quebra levou o prêmio de melhor goleiro do torneio. Thiagol Matador foi artilheiro máximo com 24 gols e levou a chuteira de ouro. E Leco, com atuações impecáveis nos dois jogos mais importantes do Porto, foi condecorado o Bola de Ouro, o melhor jogador da Copa Leo, e automaticamente será contratado para o Borussia. Kazim que o diga.

 

Na entrega das medalhas, o Borussia em terceiro lugar foi devidamente provocado pelo Porto, que dava tchau aos rivais com os cinco dedos da mão. O Bayern teve o reconhecimento do oponente na decisão e além das medalhas levou para São José a taça de vice. Capitão Rick confidenciou a este escriba antes do jogo que o maior sonho dele seria levantar a taça de campeão e ele o fez. Parabéns aos bicampeões.

 

O Porto era favorito natural por ser o atual campeão, e mesmo com a perca do melhor jogador do título, o repôs cirurgicamente com o primo da marca de leite. No caminho do título houve empates diante do Manchester United e do Inter de Milão que ligaram o alerta do time, mas nada se comparou a derrota na semifinal frente ao Borussia. Ali o time foi campeão, pois foram um pouco mais de 90 minutos somados dos dois jogos de um Porto talhado para vencer e atropelar quem tivesse na frente. Pior para o Bayern que perdeu apenas para o Borussia na primeira fase e fez um campeonato de alto nível até a final, inclusive superando adversidades além das quatro linhas com dois dos seus atletas. Thiagol foi o assassino que todos esperavam, mas não foi suficiente para levar a taça para São José, amargando novamente o vice-campeonato. Se serve de alento, a filial alemã perdeu a final da Liga dos Campeões, cópia descarada da Copa Leo, para o Inter de Milão em 2010 e para o Chelsea, dentro de casa, em 2012, para só então se sagrarem campeões em 2013. Será que a história se repetirá? O que vai se repetir com certeza será a Copa Leo na Playball Pompéia ano que vem e que promete novidades. Aguardemos.

 

Gols da rodada, resultados dos jogos, tabela, artilharia, classificação, fotos das partidas e muito mais acesse:

 

https://www.youtube.com/channel/UCmRq_n-xFG4cyfME0DNAUlQ

 

http://campeonatos.playball.com.br/Home/Campeonatos/2383

 

https://pt-br.facebook.com/pg/playballsociety/photos/